icones sociais

seria clichê chamar de super-homem?

Olha, eu sei que o barco tá furado e sei que você também sabe,
mas queria te dizer pra não parar de remar, porque te ver remando
me dá vontade de não querer parar de remar também.
[Caio F.]

Penso que nunca esbocei um mínimo de sentimento quando se trata de ti e acredito que aprendi contigo isso de não deixar transparecer. Embora nunca tenha escondido o tamanho do orgulho que carrego e que é visível; basta ver meus olhos que brilham sempre que falam teu nome, sempre que contam tuas bravuras e tuas artes também, que perco de vista quando tento recontá-las. Minha memória fraca, oposto da tua, impede que recorde de todas tuas artimanhas, mas as poucas que recordo valem por toda uma vida.

Invejo o mundo que tu carregas nas costas e o peso que este te tem e, nem assim, tu solta um suspiro de dor, cansaço ou medo. Não, tu és pra mim a pessoa mais corajosa do mundo e sei que, ao teu lado, mal nenhum pode me atingir, mesmo em pesadelos que, se me acordarem no meio da noite e precisar chamar teu nome, virás trazendo um copo d’água, como antigamente. E contarás as mesmas histórias de infância, na tua voz de sono, com fins iguais e ênfase de medo. É ímpar, você.

Se a vida te atinge, nesses anos tantos, é visível apenas pelos cabelos brancos que carregas em dança com os castanhos, lembranças de uma juventude viva, triste e marcada. Juventude, essa, que contas com chuva nos teus olhos verdes e emoção controlada na tua voz de saudade, de pesar. E, se pensas que tuas muralhas são impenetráveis, engana-te. Sei que te transformas em criança pequena nos teus sonhos e recordas tudo aquilo que escondes no instante que abres os olhos para mais um dia de guerra, de coragem e de luta sem fim.

Comentários

  1. Orgulho, aqui.
    Deu vontadinha de abraçar meu 'super' também... Faz tempo que ele também não me conta histórias noturnas... Mas as que ele contou permanecem aqui, comigo.
    Bonito demais, Fê.

    ResponderExcluir
  2. Por que é o amor que tem feito falta, aqui.

    O mundo é bonito, eu sei.

    E lindo é teu texto.
    Olhei para uns cabelos brancos aqui e pude sentir cada palavra tua disputando pedacinho de espaço no meu coração.


    Beijo, moça.
    :*

    ResponderExcluir
  3. Lindo Demais, Moça!

    As histórias contadas permanecerão para sempre...
    Mas em certos momentos precisamos deixar transparecer o que sentimos, o que vai dentro de nós. Nos faz sentir melhor, e as vezes nos surpreende.

    Amei o texto.

    Beijos, Lu.

    ResponderExcluir
  4. Não tenho pai vivo, mas sou pai. E se um dia meu menino quando crescer me escrever ou ao menos disser metade destas coisas... Ia dizer que a vida teria valido a pena. Mas para um pai, basta o existir do filho ou da filha.

    ResponderExcluir
  5. Incrível!
    Só posso dizer isso.

    Beijos Maria Fernanda!
    Amei o seu blog!!!


    P.S.:Obrigada pelo comentário, volte sempre!

    ResponderExcluir
  6. pessoas tão importantes que já passaram por tantas coisas na vida..

    adorei o texto!
    beijos!
    bom fds!

    ResponderExcluir
  7. Palavras lindas, viu!
    Devemos ter orgulho de podermos falar de pessoas assim.
    Bela homenagem.

    BeijOS

    ResponderExcluir
  8. Boa tarde, Maria Fernanda!

    Obrigado pelo comentário no Debaixo das Asas. És bem-vinda - sempre - por lá.

    Gostei do texto e quero 'cortá-lo' em uma frase: 'É ímpar, você'.

    Todas as palavras estão acentuadas. Faz-se necessário essa definição íntima mesmo? Ser-se em plural é complicado. Solitário no singular dói também.
    Dói... também.

    Perdoe-me, mas ‘É ímpar, você’ – mexeu com vários pares que estão resguardando dentro de mim.

    Shalom.

    ResponderExcluir
  9. Aiii, eu quero!
    Tá lindo Fê!
    Deu vontade de roubar o texto e mandar pra uma certa pessoa!
    Bjooo e bom fds pra vc!

    ResponderExcluir
  10. Lindo isso,é lindo escrever histórias reais ou não,mas mais lindo que isso é escrever pra alguem que a gente gosta e foi peça fundamental no quebra cabeça da nossa vida.

    ResponderExcluir
  11. A gente pode chamar, sim, de super - homem. Porque é isso que eles são, mesmo sendo feitos dos adjetivos mais humanos deste mundo.

    Eu havia me esquecido como você me emociona.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  12. Creio que esse texto foi pro teu pai, porque eu lembrei do meu daqui.
    Lindo.
    beijos

    ResponderExcluir
  13. Eu costumo pensar, com os olhos marejados, "ai se eu pudesse ser metade do que você é, eu já me orgulharia ainda mais de mim".
    Porque ele é super e faz toda a diferença do mundo.
    ;)

    :*

    ResponderExcluir
  14. Você tem uma doçura, uma sutileza encantadora nas palavras. Acho fabuloso.

    Adoro Caio.


    Um beijo.

    ResponderExcluir
  15. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  16. ímpar.
    ta aí.
    ímpar.

    sabe que certo mesmo seria ele ser só homem. vê? que as coisas que deveriam ser já não são e quando são chegam a estranhar. fica super, daí.

    do texto, palavras não tenho.
    acho lindo tudo isso, isso tudo.
    tudo. isso. ahhhhh :*

    ResponderExcluir
  17. Hum... depende, chame de Super-Homem se não usar óculos, e de Clark Kent se usar =)
    Desculpe a piada besta rsss

    É um texto lindo... parabéns!!
    Estou fazendo minhas hipóteses sobre para quem você o escreveu... mas quem quer que seja, ficará muito orgulhoso de você ao ler...

    Beijos

    ResponderExcluir
  18. Olhos verdes, cor de esperança. Coisa mais lindinha. Dá vontade de abraçá-lo. Tá, e a ti.

    ResponderExcluir
  19. Uau, me apaixonei pelo seu blog mew. Fofo demais, e além disso amei o post.. sabe, meu "super" é também meu melhor amigo, e eles sempre merecem uma homenagem, não é? Well, estou te seguindo. Beijinhos.

    ResponderExcluir
  20. acho que não existem clichês quando se trata de definições, de amar, moça...o amor em si já é o mais antigo dos clichês (e o que faz dele as mais belas composições, assim como esse seu texto!! sublime moça... =)

    ResponderExcluir
  21. Na minha leitura, eu entendi que esse texto foi feito para o seu pai. Estou certa?
    Se foi, mesmo não usando capa e nem sabendo voar, a sensação de proteção que eles nos fazem sentir, e as batalhas diárias, muitas vezes mais árduas do que as de matar monstros, já os presenteia com o posto de super-homem. Super-HERÓI! :)

    Tem meme para você no blog, flor. :*

    ResponderExcluir
  22. Nossa... que saudade senti do meu pai. VOntade de abraça-lo e pedir para ele nunca parar de remar.

    Mais que saudade senti do meu avô, que faleceu... mas que é meu orgulho!


    Lindo demais, moça!
    BeijO meus

    ResponderExcluir
  23. Como e bom ter alguém especial em nossas vidas, melhor ainda e poder dizer que ele e a inspiração da sua vida, o seu verdadeiro super-herói.
    Aquele que não importa o que aconteça ele estará sempre por perto, te ajudando e te apoiando.

    Parabéns pelo blog.

    Beijos

    ResponderExcluir
  24. Lindo. *-*
    Escreves muito bem!
    "É ímpar, você"
    Super-homem é pouco.

    ResponderExcluir
  25. Você sempre com essa leveza nas palavras, florindo cada sílaba.

    Queria ser assim...

    ResponderExcluir
  26. olá, passo pra dizer que não esqueci do conto e que amanhã mesmo estará postado!
    super bj e desculpe pela demora, mas estava correndo muito.

    ResponderExcluir

Instagram