SOBRE NÓS DOIS

|

5 de abril de 2018


Encontrei a paz que faltava para entender que nem sempre é no nosso tempo. É quando tem que ser. Para quem ainda não descobriu Deus no coração, entregar as rédeas da vida deve doer, deve ser difícil e incompreensível. Eu sei porque... Também já fui assim. Eu sempre quis ter o controle, não depender, pois afinal... Como alguém poderia entender mais de mim? Mas há sim. Alguém que está acima e pode ver melhor do que ninguém.

Quando você apareceu eu sabia o que tinha nas mãos. Eu já esperava pelo processo, já esperava que seus olhos fossem completamente cegos. Muitas vezes eu chorei na tua frente, mas consciente de que não faria diferença alguma, pois você sequer estava presente. A dor conosco já me foi latente.

Eu demorei também. Só que teve uma hora que me ajoelhei e entreguei tudo isso na mão Dele, pois eu já não sabia mais responder. Eu já não sabia mais o que fazer. Eu também não conseguia enxergar mais você, apenas a raiva era o que eu conseguia ver.

As coisas não eram do jeito que eu queria. Eu duvidava que as coisas pudessem te transformar... Eu desisti, mas me recuperei. Nos momentos que você menos espera é quando você vê o milagre acontecer. Ainda com todo o amor, somos tão ignorantes a ponto de ainda pagarmos para ver e ele me fez. Eu vi. Se materializou em você.

Você ainda tem os seus percalços, os seus erros que daqui eu já acertei, mas tudo bem. Quem sou eu para julgar com o tanto que ainda não consertei? Eu só... Espero que você continue na estrada como homem que eu sempre amei. O homem que eu aceitei sendo o que você é.

As escolhas e ações estão contigo. Você não tem nada a perder.


comentários pelo facebook:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...