DIÁLOGOS EM NOITES INSONES

|

4 de junho de 2018

ouça enquanto lê: Stop this train, John Mayer

— Eu estou cansada dessa vida mesquinha. Cansei de abaixar a cabeça pr'aquilo que eu não acho certo, de dizer amém para atitudes que eu não concordo, de chorar escondida e me recriminar por essas lágrimas sentidas e amargas. Estou cansada de não poder contar, sabe? De ter que agir pelas costas, de não receber um olhar de aprovação. Sou só um estorvo, você me entende?

— Não dia asneiras, mocinha. Ninguém é estorvo de ninguém, ainda mais quando esse "ninguém" é alguém tão próximo, bonita. Pare de se lamentar por teus ensinamentos, você foi criada desse jeito e é assim que as coisas funcionam. Por pior que seja, por mais que não concordes. É tudo uma questão de tempo, de respirar fundo e tentar, calmamente, mostrar o quão errada uma pessoa se porta...

Do jeito que me falas parece coisa simples, Dan, mas não é. Achas que já não quis jogar na cara tudo que me machuca o peito? Achas? Pensas que já não ensaiei milhares e milhares vezes tudo aquilo fica entalado na garganta, dificultando-me respirar? Mas as minhas palavras, felizmente, sempre souberam quando devem ser proferidas e quando não. Assim, matam-me aos poucos, calando-me por fora, fazendo gritarias aqui dentro. Isso me dá dor de cabeça, te contei?

— Se resolve o caso ou não, agora me contas tuas aflições, como sempre foi. Alivia, de certa forma. As palavras te soltam um pouco e abrem espaço pro ar passar. Calam-se. Dor de cabeça por gritos internos não duram eternamente, mocinha. Sabes disso. Canta. Nas cantorias, sempre sai uma palavra ou outra...

[abraçaram-se em silêncio, na madrugada fria e triste. Ela, chorosa, secou poucas lágrimas e recostou-se na cabeceira da cama.]

— Agora é a hora em que tu pegas teu violão preto e começa a cantar John Mayer, Jack Johnson ou Jason Mraz pra mim, arranhando as cordas ao fazer melodia e fechando os olhos ao cantar refrão.

— Durma, menina-moça-bonita. Durma. Sonhe. Descanse. Esqueça. Eu te canto, assim...


So scared of getting older
I'm only good at being young
So I play the numbers game
To find a way to say that life has just begun

[Stop this train - John Mayer]


comentários pelo facebook:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...