icones sociais

Tudo que sempre quis te dizer (mas nunca disse)


Dia desses estava lendo um livro (estou sempre lendo um livro) em que o protagonista se perguntava sobre a finitude da vida. Estava à beira da morte e se questionando sobre a forma como viveu. Se viveu bem, viveu “certo”, se fez e disse tudo o que queria. Foi então quando resolvi fazer a mesma coisa. Afinal, este é o grande poder da literatura, não é? Fazer-nos pensar e refletir sobre nossa própria existência. Foi quando resolvi escrever-lhe esta carta. Se eu morresse amanhã, o que me arrependeria de não ter dito? Não sei ao certo, mas com certeza ao final destas palavras, menos coisas do que antes.

Tenho o maior orgulho de você, da forma como se porta diante do mundo, e da vida. Da maneira como enfrenta as dificuldades diárias e como mata um leão por dia. Nunca pense que você não é um guerreiro, pois o é. E um dos maiores que conheço.

A vida nem sempre é justa. Muitas vezes não o é. Você já levou muitas rasteiras, e ainda levará mais algumas. Porém, é forte e corajoso e dentro de você mora uma chama que o ajudará a levantar todas as vezes – mesmo que demore um pouco.

Você não está sozinho, nunca está. Dizem que você só morre de verdade quando a última pessoa que lembra de você também morre. Então acredite, você viverá por um bom tempo. Ao menos em mim, tem alguém que pensa em você com carinho, emanando energias positivas e felicidade, sempre. Mesmo que você não saiba.

A grande alegria da vida é passar por ela deixando sementes de felicidade, amor, cumplicidade, respeito e tudo o de melhor que possamos deixar para o outro. Você faz isso. Diariamente. Assim como eu (ao menos tento fazer). Acho que por isso nos damos tão bem.

Está tudo bem não estar bem. Vivemos em uma sociedade que preza o estar feliz o tempo todo. Bom, quem não quer isso? Porém, não há nada de errado em estar mal, ter momentos de tristeza e até pensar em desistir. Isso faz parte. Afinal, somos humanos e não robôs (mesmo que isso pareça clichê).

Você vai encontrar o amor (se já não o encontrou). Pode ser que não venha em um cavalo branco, mas ele vai chegar. Tenha paciência, fé e não desista dele. Ele não desistirá de você.

Agora pode parecer que tudo está confuso, mas como li certa vez, se você não se perder na vida, ao menos uma vez, quer dizer que você não a explorou direito, em todas as suas possibilidades. Então, crie, busque, imagine, sonhe, caia, levante e continue. Vai valer a pena.

Por fim, digo a você (e a mim mesma): estamos juntos nesse barco. Não deixe de viajar pelo medo. Viver é uma aventura, e nem sempre gostamos do que encontramos. Contudo, as pessoas que conhecemos e os momentos que vivemos fazem dela incrível ou mediana, a depender do valor que damos as coisas.

Então, diga o que tem vontade, não deixe para depois. Pode ser que esse depois nunca chegue.


Comentários

Instagram