icones sociais

Confidências


Há pessoas que nos roubam...
Outras, que nos devolvem!
[Pe. Fábio de Melo]

Empaco quando tento falar de você e imagino ser pura falta de treino. As palavras ainda soam tímidas quando forço a saírem, uma a uma, não sei lhe dizer porquê. É que ainda tento guardar o teu melhor só para mim, guardar meu sentimento cá dentro para que o mundo não o descubra... Te contei meu medo, uma vez, não contei? Então, continua. E, sinto lhe dizer, mas é mais forte do que eu. No entanto, eu tento.

Posso lhe dizer que não-estou-nem-aí-para-você quanto aparento e que há muito parei de enxergar teus defeitos. Minha vontade é de dar um pause no tempo para que este seja só nosso, sem mais rotinas, sem mais segundas-feiras. Um final de semana eterno. Eu, você e carinho em dobro.

Descobri que não preciso de muito mais para ser feliz, que o teu olhar me basta, que o teu abraço de quebrar as costelas me supre e o nosso silêncio se completa. É harmonia... Assim como a minha respiração que tem perfeita sintonia com a tua, coisa que descobri numa dessas tardes-noites em que dormimos apertados no sofá, driblando a ressaca e fingindo ver um filme qualquer.

Tem dias que eu quero confessar o tanto que gosto de você. Tem dias que quero confessar o tanto que gosto da gente... Tem dias que quero te fazer notar o tanto que meu silêncio te diz... Será que você percebe o tanto que a gente é feliz?


Comentários

Instagram