icones sociais

menininha bonitinha quantos anos você têm?

É. Ela cresceu. Não só de tamanho (afinal, um metro e setenta e três é muita coisa), mas cresceu de cabeça, de coragem, de força, de determinação. Maria Fernanda tem grandes sonhos e, aquela pequena menina, se transformou num mulherão que não passa mais despercebido. Aquela menina magrela e de auto-estima fraca, aquela menina invisível abriu espaço para uma garota de presença notável, de caráter forte e de coragem imensa.

Maria Fernanda aprendeu a aproveitar pequenas felicidades diárias e, finalmente, parou de se preocupar e criar rugas à toa, por assuntos corriqueiros, inúteis. Apesar da força que ela transmite, ela jamais deixou de lado aquele jeitinho meigo, manhoso, carinhoso e carente dela. Maria Fernanda cresce, "envelhece" mas nunca perde o hábito de fazer manha, de pedir colo e, como esquecer, o hábito de se fazer de desintendida. Ela "pesca" as coisas muito bem e se faz de "loira burra" só para poder fazer aquela carinha de não entendi. Um charme. Seria inconveniência se, num dia como esse, passasse despercebida. Não. Não ela.

O que adimira, é que Maria Fernanda completa anos como uma criança boba feliz. Ela pula quando alguém liga, ela corre para atender o telefone sempre que ele toca (e quando atende, está com um sorriso de orelha à orelha, ofegante), e pula e grita de felicidade quando alguém lhe dá uma lembrancinha. Sim! Ela a-do-ra ganhar presentes (por mais que diga que não, que isso não é importante). Pra certas coisas, Maria Fernanda nunca cresce.

Essa menina-moça acaba de completar duas décadas de vida. Bem vividas. Bem aproveitadas. Maria Fernanda tirou proveito de cada um dos seus 7300 dias de vida. Ela aprendeu e cresceu com cada erro, com cada tombo e, lógico, com cada vitória.

O mundo gira conforme a música dela. O mundo toma as cores a formas que a Fê desenha todos os dias. E, tenho certeza, nas próximas décadas que ainda estão por vir, ela será -pelo menos- trezentas vezes mais feliz e trezentas vezes menos enganada. O mundo a pertence. E ela pertence ao mundo. (Por isso ele é tão bom, tão colorido e tão bonito)

Essa foi uma pequena e singela homenagem
de alguém que admira muito a mocinha autora
das mais belas palavras e do mais sincero sorriso.
(E o mais bonito deles). Feliz Aniversário.
Daniel Monteiro

Comentários

  1. Dan xuxu metidoo!! :}
    Adorei. É muito bom saber que existem pessoas que ainda reparam na louca aqui e que sabem me descrever muito bem.
    Você não existe!!

    (eu comentando pra 'mim' mesma. Estranho ;x )

    ResponderExcluir
  2. Fê, feliz aniversário!
    Meus parabens para essas suas duas décadas de vida.
    E o texto é uma muito bonita homenagem. Mais do que merecida!

    ResponderExcluir
  3. Parabééééns, mocinha! Homenagem muito merecida e bem escrita!
    :)

    ResponderExcluir
  4. Olha só!!!!!
    Feliz Aniversário!! Tudo de bom e tal....

    Bonita a homenagem que recebeu!!
    beijo!

    ResponderExcluir
  5. Ai que lindo!
    Parabéns, Fê! Milhões de felicidades pra ti!!

    beijo grande

    ResponderExcluir
  6. Albergariajunho 04, 2007

    Feliz Aniversário! Maria Fernanda! Que continue escrevendo esses belox textos... Bonita homenagem!

    Beijão

    ResponderExcluir
  7. Parabéns pelos 20 aninhos bem vividos, e parabéns pelo Daniel, por ter essa pessoa ao seu lado.
    Felicidades mil para as próximas décadas.
    [ ]'s

    ResponderExcluir
  8. A gente cresce com o tempo, encurtando os espaços entre a inexperiência e as atitudes que tomamos.
    Crescemos quando percebemos a nossa pequinice... e me parece que vc percebeu isso (ou está percebendo).
    Bela homenagem e muito merecida...

    bjos e felicidades, minha querida!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Instagram