icones sociais

Carência e cuidados.

Essa vida conturbada, esses horários malucos e os projetos de comida que a garota ingere estão lhe fazendo mal. Aos poucos, ela perde a cor dos lábios, tem dificuldades para comer - ou para digerir o que come. A cabeça lateja o dia inteiro, os olhos ficam turvos com uma certa frequência e manter a atenção num mesmo foco se tornou uma tarefa árdua, difícil e cansativa.

A garota não sabe mais o que fazer. A saudade de casa está cada dia maior, apesar dela não morar longe. Na verdade, são apenas dois dias - um dia e meio - que ela passa longe da sua casa. Mas, embora ela more em casa, more com os pais, ela sente saudade. A garota está com carência de família. Carência de afetos. Carência de carência.

Depois de demonstrar ser forte para o mundo, o corpo e a mente a obrigaram a mostrar que é fraca. Fraca e necessitada. Assim como os ogros também amam, os fortes são fracos e todos precisam de colo. Cuidados. Vai ver seja por isso que ela esteja tão "assim" utimamente. Dessa forma, sem ter como fazer manha e pedir colo para alguém, o corpo responde dando-lhe problemas. Maneira concreta de poder chamar atenção.

A garota acredita em finais felizes e, por esse motivo, tem a esperança que esse mal estar irá passar, que o colo irá vir e que receberá atenção sem precisar que o corpo passe mal para conseguir isto.
     

Comentários

  1. Carente tb! :(

    Bjos amelísticos!

    ResponderExcluir
  2. Às vezes a gente se faz de forte pro mundo e o mundo acaba acreditando, muitas vezes esquecem que a gente precisa de cuidados também =/

    Beijos =****

    ResponderExcluir
  3. todo mundo passa por umas fases carentes assim, né?
    elas podem ser perigosas! manda a menina tomar cuidado! rsrs

    mas desejo que essa fase passe logo!!!

    bjksss

    ResponderExcluir
  4. É sempre bom acreditar em finais felizes!
    Um dia eles chegarao!
    Bjos!

    ResponderExcluir
  5. Finais felizes... O que seria da vida não se acreditassemos neles. É preciso reconhecer que muitas vezes de nossos sofrimentos eles são raízes.
    Mas de que vale uma vida sem reinos encatados à nossa espera? De que vale negar os contos de fadas e viver num mundo com pessoas enfadonhas... Uma vida sem um toque de mágica é ruína. Espero que encontres teu príncipe encantado em um cavalo branco.. enquanto isso, continuo a procura por minha colombina.

    ResponderExcluir
  6. É verdade, nos fazemos de forte para todos. Mas sabemos que somos muito frágeis. Isso é muito difícil de aceitar.

    ResponderExcluir
  7. Olá Maria Fernanda,

    É bom mesmo acreditar em finais felizes. Acho que essa esperança consegue mover muitos pauzinhos e pedrinhas que atrapalham o percurso. O post ficou bem legal e bem escrito. Gostei.

    =)

    Beijos e Feliz Dia das Crianças

    ResponderExcluir
  8. Acho que esse é um problema de muitas nessa sociedade pós-moderna. Muito individualismo, pouca interação, pouco tudo.

    Dói, eu sei. Dói muito.

    Melhoras.

    Beijo meu.

    ResponderExcluir
  9. cuidados (não exagerados) são muuuito bons.

    principalmente pq faz a gente saber q tem gente q gosta da gente.

    é feito akela frase: quem ama, cuida hehe

    =*

    ResponderExcluir
  10. Só tenho clichês a lhe dizer: "quem procura, acha", "quem não chora, não mama" e "é quando estou mais fraco é que sou mais forte".

    Essas frases sempre funcionam nos filmes. Então, imite a arte. rsrs

    Bjos, minha querida e melhorassssssssss

    ResponderExcluir
  11. Eu passei por um periodo assim, nao faz muito tempo. Mas conversei com as pessoas que eu achava realmente importantes e, pra minha surpresa, eles entenderam o que eu queria dizer e nossos laços ficaram mais forte. Recomendo o mesmo. Naum fica sofrendo, moça, que voce naum merece isso.
    Boa sorte
    Bjs

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Instagram