icones sociais

NÃO CUSTA NADA LIGAR DE VOLTA


As pessoas deveriam parar de brincar com os sentimentos alheios, e eu não estou falando de relacionamento a dois, nada disso. Analisando a atual situação política, social e econômica do país, meu texto hoje vale como um desabafo para as pessoas que trabalham com recrutamento de pessoas, o famoso RH. Você já parou para pensar a quantidade de pessoas que estão desempregadas e que espalham currículos para todos os cantos em que se é possível? É meu caro, a situação não anda nada fácil, mesmo com milhões de qualificações, cursos online, inglês, francês, italiano e o que mais for possível cursar, tem muita gente que ainda não conseguiu se inserir novamente no mercado de trabalho e acaba tendo que se virar na informalidade para pagar as contas.



Vamos voltar a primeira frase, por que razão eu disse brincar com os sentimentos alheios? Bom, lá vai. Senhores recrutadores, formados em psicologia, recursos humanos e seja qual for a área competente, quando vocês ligam para uma pessoa para agendar uma entrevista, vocês tem noção da esperança que cresce no coração da pessoa? Sim, porque você espalha seu curriculum vitae confiante que uma oportunidade irá aparecer a qualquer momento. Toca o telefone, depois de toda a formalidade de perguntas e respostas a entrevista é agendada. Ufa! Terei uma chance de falar sobre mim, sobre minhas experiências, como posso somar com o programa da empresa. Aí você termina todo o processo, feliz porque realmente conseguiu expor suas ideias, vários sorrisos, no fundo o coração está contente porque será mesmo uma possibilidade surgindo, até o momento da frase que estraga todo o momento: ‘Você pode aguardar que na próxima semana o RH entrará em contato.’ Essa frase é ao mesmo tempo um alento e um abismo. O que acontece agora? A gente espera até a próxima semana né, afinal são apenas sete dias, os sete dias mais conturbados da vida. É tipo quando você conhece o crush, a noite foi linda e ele diz: ‘Tchau, amanhã eu te ligo!’ Eu te garanto que ouvir isso do RH é bem pior. Mas pior do que ouvir isso, é a passar uma semana, duas semanas, três semanas e o telefone não tocar.

Por isso, do fundo do coração dessa aspirante a escritora, se você conhece alguém que passou ou passa por isso, a console, porque é muito difícil. Mas se você conhece alguém que faz o outro lado da história, diz pra ela ligar, nem que seja para dizer que não foi dessa vez, pelo menos a gente segue em frente, o baile ou seja lá o que for, mas peça para ela parar de brincar com os sentimentos alheios, não é legal, não é nada legal. Só para deixar claro, a gente sobrevive, mas continua não sendo legal.





Comentários

Instagram