icones sociais

É hora de crescer

escrito por Jel Sousa
É difícil perceber que mudanças, que trazem uma paz interior, podem carregar com elas muitos desencontros. Tem vezes que nem todos os que nos seguem pela vida são capazes de lidar bem com isso. Os caminhos acabam ficando tão diferentes, os destinos tão distantes, que, no final das contas, parece que o velho conhecido virou um estranho.

Dá uma saudade danada de quando era tudo uma calmaria. Não era perfeito, eu sei, mas nessa escala da perfeição com certeza estava mais perto do dez do que agora. O que fazer quando retroagir não é uma opção? Como avançar sem deixar pelo caminho quem é essencial, mas não compreende mais sua essência?

Todo cuidado é pouco na hora de escolher o próximo passo, porque, ao que parece, todo ganho vem carregado de culpa e só amplia esse afastamento. Mas se não estamos dispostos a andar pra trás e voltar a ser como éramos, mesmo porque isso é impossível, aceitar o hoje talvez seja a opção mais sensata. Sempre dá pra melhorar um pouco e tornar o trajeto da evolução menos difícil.

As relações mudam, as pessoas mudam, as vidas mudam, mas se algo é pra durar vai encontrar seu caminho de volta. É só os envolvidos quererem. E eu quero.






jel sousa
Amiga íntima das letras e livros desde cedo, seria surpreendente se não encontrasse na escrita sua forma de expressão natural. Com um quê de psicologia amadora, é apaixonada pela complexidade do ser e sentir. Produtora de moda, consultora de imagem, advogada e futura designer de moda.



Comentários

Instagram