icones sociais

TODAS AS PARTES DE MIM

escrito por Carol Pedrosa


Tudo o que me permeia, permite-me ser. Permite-me existir.

Sou formada de todos os "sim" e de todos os "não" que recebi. Criei-me nas quedas, mas também nas escaladas que tive que fazer. Dos voos que tive que aprender a dar, mesmo com medo de tirar os pés do chão.

Quando titubeei, a vida me derrubou. Apenas para me ensinar a levantar toda vez, e a levantar cada vez mais forte. A vida gritou "vá ou fique", mas decida. Morar na indecisão é fazer casa onde não há lar. É querer construir alicerces em areia movediça.

De lar, chamo a mim. Sou meu lar por onde for. Levo-me, e tudo o que passou, todos que deixaram um pouco de si, o frescor de cada flor. Sou caramujo de mim, rodo o mundo em minha companhia.

Porém, cresço com a viagem, abro passagem em cada novo coração, amigo, amor, encontro. Em cada lugar deste vasto mundo onde ponho meus olhos, e coração. Onde torno o mundo um pouco mais meu.

De todas as partes de mim, gosto mais daquelas que ainda estão por vir. Das expectativas, criações. Das que vão se descobrindo aos poucos, com o tempo, a idade, a experiência. Gosto de quem sou, e mais ainda de quem fui.

De todas as partes de mim, amo cada uma delas. Cada parte que foi, que é e que será. Sou todas as partes de mim, e cada uma delas vive.



carol pedrosa
Ariana, apaixonada pela vida e pelas palavras. Não acredito em definições, mas em transformações. Em ser cada dia uma versão melhor de mim mesma. Em viver no agora, sem medo de arriscar. Acima de tudo, acredito no amor. 

Comentários

Instagram