icones sociais

Fique à vontade

escrito por Yamí Couto
Não precisa se levantar agora. Fica. Eu senti que talvez você queira ficar. Eu senti que você começou a se identificar.

A gente não teve muita sorte da primeira vez, porque pareceu que a gente iria começar a se bicar. Faz parte. Também não quero te incomodar. Quero deixar você descobrir sozinho que o que você tem hoje, o que você precisa mudar.

Tem muita coisa para se transformar. Peço para você se atentar. Vamos deixando rolar e se um dia a gente se apaixonar, beleza... Eu não vou parar. O que você quiser de mim, é só você me falar.

Quero saber mais de você. Quero saber se vale a pena entrar. Eu já me desapontei outras vezes e se for para repetir isso, prefiro ir embora para nunca mais voltar. Não se preocupe com as feridas, eu estou me trabalhando todo dia para me curar, mas você sabe...

Não vai ser da noite para o dia. É preciso paciência, mas também não vou te cobrar esperar.

Gostei de você desde quando te vi. Sabia que você já tinha outras prioridades na vida, resolvi não arriscar. Mas você foi me puxando, encontrando formas, criando um plano e a gente foi se aproximando. Deixei, porque não vi mal nisso. Até eu admitir para mim também que eu queria me apaixonar.

E agora estamos aqui. Olhando um para o outro, cobrando uma resposta, mas ao mesmo tempo gostando. Tem muito tempo que a gente não vive algo assim, então... Não precisou ir se adaptando.

Estava tudo andando. E andou rápido demais. Em um ritmo que só nos desinibiu e aprofundou o encanto.

Fica tranquilo. Eu vou estar aqui se você precisar. Só que cuidado quando for me beijando. Cuidado quando quiser me segurar em um canto. A gente está se apaixonando e depois... Você não vai saber como escolher e nem como seguir levando.

Pode ser exagero, mas pelo menos eu tô te avisando.




YAMÍ
Escritora e internacionalista.
Colunista dos blogs "Entenda os Homens", "Crônicas de uma mente qualquer" e da Blasting News. Curadora do Blog Sensations. Astróloga de horas vagas. .

Comentários

Instagram