icones sociais

Nosso amor tem cheiro de lavanda

escrito por Ana Paula Del Padre
Sim, já choramos muito. Talvez até mais do que deveríamos. Mas isso ficou no passado, não nos pertence mais. A lavanda não suporta excesso de água, por isso, os terrenos devem ser bem drenados. A maior inimiga da lavanda é a chuva. Assim é nosso amor. Vivemos de risos e de leveza agora. Não queremos mais encharcar nossa plantação. A não ser de momentos alegres, paz, harmonia, cumplicidade. De viagens divertidas, beijos e abraços.

Como são lindas as plantações de lavanda! Enchem os olhos de quem olha. Provocam fascinação e encantamento. É inebriante olhar a cor roxa de suas flores. Assim é nosso amor. Sabem da nossa jornada, da nossa trajetória. Poucos teriam conseguido chegar até aqui, como nós fizemos. Assistir nossa história causa êxtase.

O que poucos sabem é que são necessárias centenas de quilos de lavanda para gerar um litro de sua essência. A maioria só vê o produto final, o fruto gerado, nem imagina os sacrifícios por trás de tudo. Assim somos nós: foram muitos momentos árduos, lutas, batalhas, para estarmos exatamente aqui e agora. A velha história de passar pelo purgatório para enfim usufruir das belezas e delícias do paraíso. Mas digo, de coração, faria tudo de novo, sem a menor sombra de dúvida, meu bem.

Esta planta cresce de forma relativamente lenta e, embora até chegue a florescer no primeiro ano, a floração é mais abundante nos anos seguintes. É exatamente assim com a gente: quantos e quantos anos foram necessários para construir o esqueleto, a coluna vertebral que nos sustenta, né? Aquela estrutura que nos manterá de pé até o fim levou tempo para ser firmada, mas valeu a pena. Estamos imunes a qualquer tsunami que por aqui resolver passar.

E, por fim, quem cheira a flor da lavanda fica desapontado por não sentir cheiro algum à primeira vista, no primeiro momento. O segredo está em esfregar, apertar a tal florzinha púrpura. Só então ela exala um perfume forte, envolvente e que perdura e impregna por um longo período. Assim é nosso amor, que tem cheiro de lavanda pura!




ana paula del padre
Administradora. Capricorniana Mãe. Mulher. Intensa. Não necessariamente nesta ordem. Se encantou pela beleza das palavras desde cedo, mas, pelos atalhos no caminho, acabou seguindo outros rumos. Agora, aos 40, com o turbilhão de sentimentos que a maturidade traz, as palavras brotam sozinhas e espontaneamente. Adora desafios, filosofia, pôr-do-sol, abraços apertados, conversas longas e decifrar entrelinhas.

Comentários

Instagram