icones sociais

A tua história é curta

escrito por Fernanda Amorim
Haviam me falado de você e eu, meio sem jeito, não quis acreditar. É que em nenhuma das histórias contadas o personagem principal se parecia com você. As características não batiam, eu não conseguia te ver como vilão.

Eu sou apaixonada por olhares e o seus olhos me transmitiam tanta verdade que eu recuei quando me desenharam você. Não tinha a mesma feição e os mesmos traços que haviam sido criados na minha mente quando te conheci. O retrato falado não era fiel, parecia mais uma caricatura mal feita de um desenhista recém-matriculado nas aulas de artes.

Você estava longe de ser um super-herói dos quadrinhos ou príncipe dos contos de fadas, até porque eu me encantei pelos teus inúmeros defeitos e insistia em falar que eles faziam parte do teu charme que me fascinava. Mas, ainda assim, era capaz de reconhecer que você não era feito de perfeições – e que bom.

Tapei os ouvidos e usei a miopia como desculpa para não enxergar o que tanto tentavam me mostrar. Tentaram te pintar como uma farsa, mas você continuava se mostrando verdadeiro e assumindo seus erros, contando dos pontos fracos e deixando que eu adentrasse um pouco nesse teu imenso ser. E quanto mais eu te conhecia, mais eu me perdia nos detalhes – e que detalhes.

Você é música pura e a tua melodia embalava os movimentos da minha dança. Eu te chamei pro meio da pista, mas percebi que você preferia continuar como DJ.

E nesse instante eu percebi as nuances de tanto que eu tinha ouvido.

Era você, contudo, aparentemente, você gosta de cultivar essa máscara que te faz ser coadjuvante de todas as histórias que eu havia conhecido e recusada a leitura. E ali eu percebi que, apesar de ser um romance, você gosta de se resumir a pequenos contos que não deixam espaços para grandes enredos. Eu não queria uma novela onde você seria o mocinho, porém acreditava que podíamos formar um bom capítulo.

Entretanto, ao se vestir, você me fez perder a vontade de continuar a tua leitura.



fernanda amorim
Taurina com ascendente em touro. Intensa, sonhadora e teimosa. Formada em letras, professora de língua portuguesa, apaixonada pela vida e amante das palavras.

Comentários

Instagram