icones sociais

Eu fui viver

escrito por Yamí Couto

Deixe que seus amigos te contem. Eles vão dizer que nunca me viram tão bem.

Deixe que sua vontade de me ver nas redes sociais aumente. Venha me ver andar por aí e com todo o tipo de gente.

Você que dizia que eu não fazia nada diferente.
Você que dizia que eu tinha problemas demais na mente.

Você que não vai acreditar no que vai ver na sua frente, já que, para você, eu nunca fui do tipo que se atreve.

Eu mesma nunca fui. Não achei que pudesse. Só que depois de me soltar de você, eu pude construir um novo horizonte.

Há erros que cometemos e isso pode acabar sendo frequente, mas eu deveria ter visto que você só era um menino brincando de ser homem. Tudo bem se foi o que você escolheu. Tudo bem se foi ela quem te acolheu.

Mas nada do que você quis foi eu.

Não tente me segurar pela mão, não tente me segurar pela sua fé, pela sua religião. Quem segue o coração sabe muito bem que ele sempre vai ter razão.

Eu sigo a minha intuição, mesmo quando você diz que não.

Você sempre diz não.

Você sempre busca a perfeição, mas se ela não estiver fácil na sua mão, você olha o passado, o mesmo que já te foi rejeitado e diz mesmo assim que é lá onde está o seu coração.

Pois então vá. Continue a viajar para lá atrás da sua ilusão.

Eu não vou compactuar, fazer companhia para você. Tudo o que eu fiz não foi em vão.

Eu cresci com as suas feridas, mas aprendi a parar de esperar que você chegasse para me ajudar a reparar quando estivesse perdida.

Eu fui viver, pois agora não há mais você na minha vida.




YAMÍ
Escritora e internacionalista.
Colunista dos blogs "Entenda os Homens", "Crônicas de uma mente qualquer" e da Blasting News. Curadora do Blog Sensations. Astróloga de horas vagas. .

Comentários

Instagram