icones sociais

O que será?

escrito por Laura Aquino

O que será o peso do cenário? O que calo e o que falo? Pr’onde é que vão todas as intenções? O que é que a gente está fazendo com a morada que é nossa? Vale mais mil silêncios ou mil orações? Como é que anda o peito de quem pede? E de quem aponta? Afinal de contas, no final, não vamos todos para o mesmo lugar?

D’onde é que viemos que sabemos tão pouco sobre conviver e sobre cuidar... é a guerra que insistimos em chamar. Ouve-se os gritos de desespero de uma natureza que é fruto, é fonte, é vida. Como é que a gente vai viver sem se conectar com o todo, se a cada dia que passa, para aumentar a conta bancária de alguns, sacrificamos a Terra de todos?

Tudo tem fim, disso nós já sabemos; é vida que não aguenta permanecer sem proteção, é mutação no que se come – pra durar mais tempo nas prateleiras. Por que é que questionamos tão pouco?

O que será o peso do cenário? O que calo e o que falo?

Pr’onde é que vão todas as intenções? O que é que a gente está fazendo com a morada que é nossa? Vale mais mil silêncios ou mil orações? Como é que anda o peito de quem pede? E de quem aponta? Afinal de contas, no final, não vamos todos para o mesmo lugar?



laura aquino
Geminiana de Franca, interior de São Paulo. Apaixonada por livros, séries, filmes e música. Acredita que a arte move as pessoas para o que elas têm de melhor. Vive no mundo da lua e escreve seus devaneios num emaranhado de palavras que no final acabam fazendo algum sentido. Ou não.

Comentários

Instagram